Anglo Nubiano

A raça Anglonubiana foi formada em 1896 na Inglaterra, a partir do cruzamento de fêmeas nativas  Inglesas com machos das raças, Jamunapari, Zaraibi e Chintral oriundos da Índia, Nubia e França.
Possui aptidão Leiteira, caracterizada por um leite muito saboroso, rico em gordura (>4%) e proteína, o que confere uma característica diferenciada aos seus derivados. Sua carne é magra e muito saborosa.
É um animal de porte médio a grande, corpo longilíneo e ossatura forte, que traduz uma fortaleza estrutural e harmoniosa, com olhos grandes, vivos e cabeça leve e bem conformada. Apresenta um chanfro convexo, orelhas longas e espalmadas, com formato de folha ou sino, com implantação alta na linha dos olhos, dirigida para fora e voltada para frente nas extremidades, podendo ultrapassar ate no máximo 3 cm a comissura labial. Apresentam pescoço alongado, sendo no machos musculoso forte e bem implantado, nas fêmeas suave e delicado. Linha dorso lombo retilínea e larga. Costelas arqueadas e profundas. Garupa longa, larga e com inclinação suave. Úbere volumoso, macio e bem inserido com tetos simétricos e dirigidos ligeiramente para frente. Pelos curto e brilhantes. A cor da pelagem apresentando variadas combinações, admitisse qualquer pelagem. As mucosas predominantemente escuras.
Em 2014 foi criado o sistema de julgamento APURAR pela ABC Anglo. Onde definiu se como prioridade os seguintes itens a serem observados no julgamento A aparência geral, P características Produtivas,  U Úbere,  R Raça,  A Aprumos e por  último características Reprodutivas compondo assim o nome APURAR. Onde ficou definido o biótipo ideal o animal de DUPLA APTIDÃO.
A criação de Anglonubianos na Fazenda Vassoural teve seu inicio em 1980 com importação de animais da Inglaterra pelo Sr. Maurilio Biagi, a partir desta importação os trabalhos de seleção da raça na propriedade foi conduzido pela sua filha Beatriz B Biagi. Virando tradição a criação caprinos da raça Anglonubiana na Fazenda Vassoural. Os animais passam por rigorosos critérios de seleção com mais de 38 anos de criação e um rígido manejo sanitário. Trabalhamos uma nutrição adequada a cada fase de desenvolvimento dos caprinos. Uma sempre uma escolha criteriosa na escolha de reprodutores e sêmen para o acasalamento das matrizes, buscando sempre trabalhar com baixo índice de endogamia. Privando sempre na seleção o padrão racial e as características reprodutivas. 
Foi introduzida no Brasil em 1932 na Bahia importados pela secretária de agricultura da Bahia.


Vendas

Agenda